Skip directly to content

Assomasul lamenta falecimento de Ivan Louzada

Data: 
21/07/2021 - 23:11
Fonte ASCOM
Ivan Porfírio Louzada - Foto MS Notícias

A diretoria da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) lamenta o falecimento de Ivan Porfírio Louzada, ex-diretor-executivo da entidade, vítima de Covid-19 (novo coronavírus).

O presidente da entidade e prefeito de Nioaque, Valdir Couto Júnior, recebeu a notícia com tristeza, destacando que Louzada, além de ser amigo de seu pai, Valdir Couto (ex-presidente da Assomasul), deixa um legado muito grande de um cidadão dedicado às causas municipalistas.

Louzada morreu nesta quarta-feira (21), depois de ficar internado há mais de 10 dias tratando a doença, mas não resistiu.

Atualmente, Louzada era diretor-administrativo da Fundação Ivete Vargas, órgão de estudos e pesquisas do PTB.

Louzada começou na Assomasul quando ainda funcionava  em prédio alugado na Avenida Afonso Pena, esquina com a Barão do Rio Branco, centro da capital.  Depois, atuou na entidade durante o mandato do prefeito de Itaporã, Rivalmir Fonseca (1987 - 1989), passando por Daladier Agi (1989 – 1991), de Paranaíba, Humberto Teixeira (1995 - 1997), de Dourados, e Nildo Alves de Albres (1997 – 1999), de Anastácio.

Valdir Júnior transmite suas condolências aos familiares e amigos, em especial a esposa de Louzada, Aleida, e ao filho, Sérgio Louzada.