Skip directly to content

Seminário do Siconv prossegue com capacitação na região de Três Lagoas

Data: 
21/11/2017 - 18:45
Caravina prestigiou o evento em Três Lagoas

Willams Araújo

A série de seminários do Siconv (Sistema de Convênios) prossegue em Três Lagoas nesta terça-feira (21) e quarta-feira (22). O presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Pedro Caravina, abriu o evento, que contou ainda com a presença do ex-diretor-executivo da entidade, Alan Gustavo Monteiro, assessor da entidade municipalista.

Além de Três Lagoas, os treinamentos do sistema abrangem Bataguassu, Santa Rita do Pardo, Brasilândia, Água Clara, Ribas do Rio Pardo e Selvíria

O Siconv é uma ferramenta online que agrega e processa informações sobre as transferências de recursos federais para estados e municípios. Entre as vantagens, estão à agilidade na efetivação dos contratos, a transparência do repasse do dinheiro público e a qualificação da gestão financeira.

O evento começou por Paranaíba nos dias 26 e 27 de abril e teve sequência em São Gabriel do Oeste (7 e 8 de junho), Jardim (5 e 6 de julho), Amambai (15 e 16 de agosto) e Nova Andradina (12 e 13 de setembro), Aquidauana (24 e 25 de outubro) e esta semana está levando os ensinamentos a região de Três Lagoas. 

O próximo encontro será realizado em Dourados (5 e 6 de dezembro) e será finalizado em Campo Grande em 2018, em data a ser definida.

CRIAÇÃO DO SICONV

O Siconv foi criado em 2008 para administrar as transferências voluntárias de recursos da União nos convênios firmados com estados, municípios, Distrito Federal e também com as entidades privadas sem fins lucrativos.

A utilização do sistema contribui para a desburocratização da máquina pública e viabiliza investimentos para a educação, saúde, infraestrutura, emprego, entre outros setores que atendem diretamente a população, e o apoio de instituições tem sido fundamental para o treinamento dos técnicos das prefeituras. 

A Assomasul é responsável pela organização dos seminários em parceria com o governo federal, por meio do Ministério do Planejamento, governo estadual (Sefaz-MS), Sebrae-MS, SFA-MS (Secretaria Federal de Agricultura) e Confaz-M/MS (Conselho dos Secretários Municipais de Receita, Fazenda e Finanças do Mato Grosso do Sul).